quarta-feira, 15 de maio de 2013

Orgulho - Pecado Capital #1

 A imagem fala bem por si, este imenso orgulho que trago comigo deste que me conheço como gente mata-me por dentro. Sou orgulhosa até mais não e nunca ninguém me conseguiu mudar neste aspecto. É mesmo um grande defeito, tenho consciência disso. Não é que tenha grande dificuldade em perdoar alguém, nesse aspecto até sou um bocadinho ingénua, sou capaz de perdoar a maior traição do mundo no exacto momento (não esquecendo claro, esquecer ninguém esquece), mas quando eu erro e sei que tenho que pedir desculpas? Ui, eu bem sei que tenho que pedir, mas e o orgulho que não me deixa? Já fiquei um ano para pedir desculpas a alguém, sorte a minha que essa pessoa era das verdadeiras, daquelas que prometeu nunca me abandonar e cumpriu a promessa. 
 E vocês, são orgulhosas(os) tanto quanto eu ou têm a sorte de não sofrer deste mal?

21 comentários:

  1. em principio sim, talvez no fim do mês/ no principio do próximo mês :)

    ResponderEliminar
  2. eu entendo bem e desejo-te as minhas sinceras felicidades, eu também passei por essa felicidade que estás a passar, também tinhamos planos, etc.., mas infelizmente não resultou e eu culpo-me por isso, mesmo sabendo que a culpa não foi minha :)

    ResponderEliminar
  3. Mas que doce! Adoro as palavras que atribuis à minha escrita!

    ResponderEliminar
  4. O que se passa contigo e com o teu amor, ou o que me estavas a tentar explicar...

    ResponderEliminar
  5. Bom texto, mais uma vez.

    R: Eu tenho apenas ódio, a essa disciplina. E empenhei-me o mais que pude. Não é uma questão de estudo porque isso ninguém pode dizer que falou... Simplesmente não falo disso no blogue porque não é um tema que me agrade...

    ResponderEliminar
  6. Também sou um pouco assim, mas quando toca a pedir desculpas não costumo demorar muito tempo...

    ResponderEliminar
  7. R: oh és tão querida sabias? Obrigada pelo apoio. Quando menos esperanças tenho, lá aparece o teu comentário para me levantar, é tão bom! Parece que estamos em sintonia e a precisar do mesmo, há alturas em que já é tanta coisa que não há mais espaço para ser forte! O abracinho chegou aqui, obrigada eheheh :)

    ResponderEliminar
  8. O cabeçalho da Audrey está centrado mas o da Marta não e eu não sei pôr. Tenho que lhe perguntar a ela. Porque eu também achei o mesmo xD
    Muito obrigada fofinha :)

    ResponderEliminar
  9. R: eheheh, que bom! Só prometo se sentir que estás a precisar de explodir também, porque se estiveres bem e feliz não te vou preocupar com isso!

    ResponderEliminar
  10. R: pronto...tens razão, eu também sou assim :) Eu prometo então que antes de algo explodir, te aviso para o fazermos juntos. É da maneira que é mais fácil :)

    ResponderEliminar
  11. Agora sou eu digo: és tão linda coração :) <3

    ResponderEliminar
  12. É bastante bom, sim. :D
    Eu já fui mais orgulhosa. Quando comecei a namorar, percebi que tinha de ceder mais, ou então passaríamos imenso tempo chateados. Já não sou tanto e ainda bem, pelo menos acho que estou melhor agora. :)

    ResponderEliminar
  13. Infelizmente também sou muito. Estou a tentar melhorar, a minha táctica é tentar não errar para não ter que pedir desculpa.

    ResponderEliminar
  14. sou bastante mesmo, mas não suporto magoar quem me ama daí conseguir contrariar um bocadinho isso

    ResponderEliminar
  15. oh, minha querida :') muito obrigado pelas tuas palavras sempre tão doces! é por isto que gosto tanto da blogosfera.
    eu também sou um pouco orgulhosa, confesso. tenho a certeza que melhores dias virão, acredita e força ;)

    ResponderEliminar
  16. Eu sou assim! E não gosto nada :(

    ResponderEliminar

"escrever é a única maneira de falares sem seres interrompido/a" ♥